Pular para o conteúdo principal

Milan conquista Supercopa ao vencer Juventus nos pênaltis graças a goleiro de 17 anos

DOHA (Reuters) - O Milan conquistou a Supercopa da Itália nesta sexta-feira, depois que o goleiro de 17 anos Gianluigi Donnarumma defendeu a cobrança de Paulo Dybala e garantiu uma vitória por 4 x 3 sobre a Juventus nos pênaltis. 

 Giorgio Chiellini colocou a Juve à frente e Giacomo Bonaventura empatou, ambos no primeiro tempo, e o resultado de 1 x 1 permaneceu após a prorrogação. A primeira cobrança de pênalti de Gianluca Lapadula para o Milan foi defendida por Gianluigi Buffon. Mario Mandzukic, em seguida, acertou a trave em cobrança para a Juve, antes de Donnarumma conseguir uma defesa linda com uma mão, em chute de Dybala. 

Isso proporcionou a Mario Pasalic converter a penalidade vencedora. "Eu não posso descrever o que estou sentindo nem sei o que estava passando pela minha cabeça", disse ele à emissora estadual RAI. 


(Por Brian Homewood) © Thomson Reuters 2016 All rights reserved.
Resultado de imagem para reuters logo png

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.