Pular para o conteúdo principal

#ForçaChape: Arena Condá despede-se dos guerreiros

Em verde e branco, encharcada por lágrimas e pela forte chuva que insistiu em cair sobre Chapecó, na manhã/tarde deste sábado, dia 3 de dezembro, a Arena Condá viveu o capítulo mais triste de sua história. A cerimônia de despedida às vítimas da tragédia com o avião da Chapecoense emocionou o universo do futebol e o povo brasileiro, mas também deixou mensagens de esperança e apoio aos familiares e amigos dos mortos. 


 O velório ecumênico foi repleto de homenagens e reuniu milhares de torcedores da Chapecoense e autoridades do futebol brasileiro e mundial, como o Presidente da FIFA, Gianni Infantino; o Presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez; e o Presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Marco Polo Del Nero, além de ex-jogadores, dirigentes desportivos de todo o país e o técnico da Seleção Brasileira, Tite. 

 O treinador da Canarinho deixou o estádio enrolado em uma bandeira da Chapecoense, e foi completamente ovacionado pelas arquibancadas. Aos jornalistas, Tite lembrou do abraço emocionado que Dona Ilaíde, mãe do goleiro Danilo, deu no repórter Guido Nunes, do SporTV, momento que ficou marcado como um dos mais emocionantes da semana. 

 Sob as tendas localizadas no gramado, os familiares das vítimas tiveram, enfim, o primeiro contato com os seus entes, o início da dolorosa despedida. Vestindo a camisa do Atlético Nacional de Medellin, o prefeito da cidade de Chapecó, Luciano Buligon, fez um agradecimento emocionado ao povo colombiano e ao clube que seria o adversário da Chapecoense na final da Sul-Americana 2016. Luciano disse que os guerreiros da Chapecoense tornaram-se lendas. 

O Presidente Michel Temer também esteve presente na cerimônia. Jogadores como Neymar, Marcelo Moreno, Osvaldo (Fluminense), Leandro (Coritiba), Edilson e Everton (Grêmio), e ex-atletas como Juninho Pernambucano e Roberto Dinamite não puderam comparecer à Arena Condá, mas mandaram vídeos com mensagens de apoio, que foram reproduzidos no telão do estádio. – Meus sentimentos são por todas as famílias e por todos os guerreiros que se foram. Estamos juntos, e que Deus nos abençoe e nos console sempre. Força, Chape! – declarou Neymar, direto de Barcelona (ESP). Uma mensagem de condolência enviada pelo Papa Francisco foi lida aos presentes, assim como o nome de todas as vítimas, sob muitos aplausos e gritos de "É campeão". 


Familiares carregaram fotos das vítimas pelo gramado, numa caminhada de emoção, gratidão e saudade. – Consternado pela trágica notícia do acidente aéreo na Colômbia, que causou numerosas vítimas do Brasil, o Papa Francisco pede que seja transmitida suas condolências e sua participação na dor de todos os enlutados. 

Ao mesmo tempo que encomenda Deus, pai da misericórdia, o Santo Padre pede ao céu conforto e restabelecimento pelos sobreviventes, coragem e a consolação da esperança cristã a todos os atingidos pela tragédia. E envia a todos que estão em sofrimento uma propiciadora bênção apostólica – dizia a mensagem do pontífice. A CBF deseja aos familiares muita força neste momento de tristeza e despedida. #ForçaChape

PUBLICADO NA HOME PAGE DA CBF

Postagens mais visitadas deste blog

O futebol e a salsicha

Dia destes numa fila qualquer ouví um dizer: "Perdí as esperanças no futebol depois da final da Copa da França em 1998. 
 Logo pensei : 

" Se Imaginássemos como são feitos o futebol e a salsicha jamais consumiriamos essas "guloseimas"

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

07/08/2016 22:05 A seleção brasileira masculina de hóquei sobre grama disputou o seu segundo compromisso no torneio dos Jogos Olímpicos Rio 2016 neste domingo, 8 de agosto, no Centro Olímpico de Hóquei, no Complexo de Deodoro. Ao enfrentar a forte Bélgica, a seleção brasileira foi derrotada pelo placar de 12 a 0. O Brasil passou a somar duas derrotas em duas partidas, já que perdeu na estreia para a Espanha por 5 a 0. Na próxima rodada, terça-feira, 9 de agosto, os brasileiros voltam a campo para encarar a Grã-Bretanha. Encarando um time muito competitivo, os atletas brasileiros conseguiram manter o jogo equilibrado até o fim do primeiro quarto – de um total de quatro quartos, de 15 minutos cada –, quando a Bélgica marcou seus dois primeiros gols. A partir daí, a equipe brasileira sucumbiu à superioridade belga, ameaçando o gol adversário apenas em lances esporádicos. Com o domínio absoluto da partida, a Bélgica foi ampliando até chegar ao placar final de 12 a 0. "Pela primeira vez …

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"

Sempre publico nesse espaço matérias sobre a carreira do goleiro Danilo da Chapecoense , que considero o melhor goleiro do futebol brasileiro , formado e revelado pelo Cianorte FC time de sua cidade natal , tem como ponto alto um caráter diferenciado herdado dos pais , meus amigos Nilson e Ilaídes(foto). O  filho Danilo , também é filho de Cianorte e tem um respeito enorme do torcedor paranaense , tanto  é que enquanto atuou no Londrina E.C  recebeu o apelido de PAREDÃO  do torcedor londrinense devido as atuações brilhantes na meta do LEC .

Atuou também pelo Cianorte FC , Nacional de Rolândia , Engenheiro Beltrão e Operário Ferroviário de Ponta Grossa atual campeão Paranaense de Futebol. ( clubes do interior do Paraná)

Marcos Danilo Padilha Nascimento: 31 de julho de 1985 (29 anos), Cianorte, Paraná Altura: 1,85 m Peso: 80 kg Início de carreira: 2004 Time atualAssociação Chapecoense de Futebol (#1 / Goleiro)