F1: Hamilton escapa de punição enquanto Mercedes inicia busca por novo piloto

Resultado de imagem para HAMILTON

LONDRES (Reuters) - A Mercedes não irá punir o tricampeão mundial Lewis Hamilton por desafiar as ordens da equipe no Grande Prêmio de Formula Um de Abu Dhabi, disse o presidente não executivo do time Niki Lauda. Na esteira da aposentadoria do colega de time Nico Rosberg cinco dias após vencer o título, o austríaco reconheceu que a situação mudou. "Não há necessidade de dizer nada a Lewis", disse ele ao jornal Mail no domingo. "Nós não temos problema sobre como ele correu em Abu Dhabi." Hamilton ignorou as ordens de acelerar após ele desacelerar deliberadamente enquanto liderava, na tentativa de segurar Rosberg e dar a outros a chance de ultrapassar. 

 O britânico poderia vencer o campeonato apenas caso Rosberg terminasse fora do pódio. No final, Hamilton teve no Yas Marina sua 10a vitória do ano, mas o alemão terminou em segundo e levou o campeonato. Rosberg então deixou todo o mundo esportivo aturdido ao anunciar sua aposentadoria na sexta-feira, deixando a Mercedes com uma enorme dor de cabeça para resolver. A busca por uma substituição começará na segunda-feira e os chefes da Mercedes já receberam uma enxurrada de ligações de possíveis candidatos. Lauda disse à rádio da BBC no domingo que o time espera preencher a vaga até o final do ano. "Ele é uma grande perda e agora precisamos encontrar um homem melhor que Nico", disse ele. 

"Temos que pensar sobre isso, contatar todo mundo e pesquisar quem iremos colocar no melhor carro da Fórmula Um. Com o primeiro teste em fevereiro, quando o novo carro fica pronto, precisaremos com certeza de um corredor. Mas eu posso lhe assegurar que irá acontecer antes. Quem quer que seja, temos que treiná-lo com o simulador. Eu acho que devemos ter uma decisão antes do final do ano." 
Resultado de imagem para REUTERS

  (Reportagem de Alan Baldwin) 

 © Thomson Reuters 2016 All rights reserved.

Postagens mais visitadas deste blog

UOL :Caçula da Rio-2016 treina por SMS, supera maiô rasgado e vence prova

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota