Pular para o conteúdo principal

EFE : Chapecoense recebe Copa Sul-Americana e compartilha com Atlético Nacional

Resultado de imagem para CHAPECOENSE TROFEU SUL AMERICANA
O presidente da Chapecoense, Plínio David De Nes Filho, recebeu na quarta-feira, visivelmente emocionado, o troféu de campeão da Copa Sul-Americana outorgado à equipe, que perdeu 19 membros de seu elenco, direção e corpo técnico no dia 28 de novembro em um acidente aéreo na Colômbia. Com a voz embargada, Plínio pediu que o troféu de campeão pudesse "ser dividido" para compartilhá-lo com o Atlético Nacional da Colômbia, e convidou Daniel Jiménez, representante do clube, a subir ao palco e levantar a taça juntos. 
Resultado de imagem para CHAPECOENSE TROFEU SUL AMERICANA
 "Esta noite eu gostaria de agradecer a todos, todas as nações, mas me permito de uma forma muito especial, carinhosa e agradecida em nome de nosso clube, de nossa cidade, de dividir o troféu com o Atlético Nacional, por seu gesto", disse Plínio. 

 O presidente da Chapecoense se referia ao pedido do time colombiano à Conmebol no dia seguinte ao acidente para que premiasse sua equipe como campeã da Sul-Americana, cuja partida de ida ia ser jogada em Medellín quando ocorreu o acidente aéreo. Além disso, Plínio colocou em Jiménez um cachecol da Chapecoense para em seguida se abraçarem sob os aplausos dos presentes. Plínio recebeu a taça durante o sorteio para a Taça Libertadores 2017 realizado em Luque, em Assunção, das mãos do presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez. 

 "Devo admitir que tenho um pesar na alma quando lembro que alguns dias atrás a família do futebol esteve de luto", disse Domínguez em relação ao acidente do voo no qual viajava o time da Chapecoense, um acidente que matou 71 pessoas. 

 Domínguez disse que apesar do futebol ser habitualmente rivalidade, a tragédia aérea da Colômbia serviu para demonstrar que também é "uma força integradora". Nos aproxima, nos une e nos dá paz, e nos apresenta o melhor de nós". A equipe voava em um avião fretado da empresa de bandeira boliviana Lamia, que caiu pouco antes de chegar ao aeroporto de Medellín.
Resultado de imagem para agencia efe logo

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.