Pular para o conteúdo principal

Valendo o acesso, técnico cobra poder de decisão e inspiração do Londrina

Resultado de imagem para tencati londrina
Os dois últimos empates seguidos na Série B, contra Criciúma e Paysandu, e a queda nas chances matemáticas de conquistar uma vaga na elite do futebol brasileiro deixaram o Londrina em alerta. 
Resultado de imagem para tencati londrina
Faltando quatro jogos para o fim do campeonato, o técnico Claudio Tencati adotou o tom de cobrança ao elenco alviceleste. Na briga por um lugar na primeira divisão, o comandante cobrou publicamente alguns jogadores do elenco, exigindo maior inspiração. Dono da melhor defesa do campeonato, o Tubarão atualmente tem 27% de possibilidade de conseguir o acesso, segundo o site Infobola, do matemático Tristão Garcia. - Estamos sempre cutucando um ou outro para ter inspiração nessa reta final, um "boom". A gente vê isso no Rondinelly, que tem qualidade para isso. É um jogador que tem virtude, ele é um dos temos cutucado. 


O Zé Rafael também, é um grande jogador e nesses últimos jogos apareceu (chance) para ele ser decisivo e não foi. Mas a gente sabe da sua capacidade, assim como o Jô, que fez uma brilhante Série B conosco e nessa reta final tem que aparecer. Eles tiveram oportunidades bem claras nos últimos jogos, mas vamos dar moral e passar confiança - disse em entrevista coletiva à imprensa. Atualmente, o Tubarão tem o sexto pior ataque da Série B, com 34 gols marcados, ao lado do Brasil de Pelotas, atrás de Tupi (30), Oeste (29), Bragantino e Sampaio Corrêa (26) e Joinville (21). O comandante explica que não tem faltado ousadia ao time, que tem atuado até com três atacantes. - No último jogo nós terminamos com três atacantes, o Safira, o Jô e o Batata, e apenas o Germano (no meio). Não vejo para onde correr muito daquilo que a gente tem feito, com três meias e dois atacantes, ou três atacantes em alguns momentos. 


Chegamos em uma fase onde sabemos quem é quem no nosso time, o que cada um pode fazer, quem está em um melhor momento - explicou. Com discurso firme, Tencati ainda cobrou um melhor aproveitamento no poder de decisão dos jogadores de frente, usando como exemplo a atuação diante do Paysandu, na última rodada, quando o time ficou no 0 a 0 jogando em casa. 

- O que está faltando é esse aumento da produção desse pessoal do lado, o Jô, o Zé Rafael, o Felipe, a chegada do Anderson... esse pessoal tem que apertar, definir mais, ter um melhor aproveitamento dos chutes.
Resultado de imagem para globo esporte.com

Postagens mais visitadas deste blog

O futebol e a salsicha

Dia destes numa fila qualquer ouví um dizer: "Perdí as esperanças no futebol depois da final da Copa da França em 1998. 
 Logo pensei : 

" Se Imaginássemos como são feitos o futebol e a salsicha jamais consumiriamos essas "guloseimas"

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

07/08/2016 22:05 A seleção brasileira masculina de hóquei sobre grama disputou o seu segundo compromisso no torneio dos Jogos Olímpicos Rio 2016 neste domingo, 8 de agosto, no Centro Olímpico de Hóquei, no Complexo de Deodoro. Ao enfrentar a forte Bélgica, a seleção brasileira foi derrotada pelo placar de 12 a 0. O Brasil passou a somar duas derrotas em duas partidas, já que perdeu na estreia para a Espanha por 5 a 0. Na próxima rodada, terça-feira, 9 de agosto, os brasileiros voltam a campo para encarar a Grã-Bretanha. Encarando um time muito competitivo, os atletas brasileiros conseguiram manter o jogo equilibrado até o fim do primeiro quarto – de um total de quatro quartos, de 15 minutos cada –, quando a Bélgica marcou seus dois primeiros gols. A partir daí, a equipe brasileira sucumbiu à superioridade belga, ameaçando o gol adversário apenas em lances esporádicos. Com o domínio absoluto da partida, a Bélgica foi ampliando até chegar ao placar final de 12 a 0. "Pela primeira vez …

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"

Sempre publico nesse espaço matérias sobre a carreira do goleiro Danilo da Chapecoense , que considero o melhor goleiro do futebol brasileiro , formado e revelado pelo Cianorte FC time de sua cidade natal , tem como ponto alto um caráter diferenciado herdado dos pais , meus amigos Nilson e Ilaídes(foto). O  filho Danilo , também é filho de Cianorte e tem um respeito enorme do torcedor paranaense , tanto  é que enquanto atuou no Londrina E.C  recebeu o apelido de PAREDÃO  do torcedor londrinense devido as atuações brilhantes na meta do LEC .

Atuou também pelo Cianorte FC , Nacional de Rolândia , Engenheiro Beltrão e Operário Ferroviário de Ponta Grossa atual campeão Paranaense de Futebol. ( clubes do interior do Paraná)

Marcos Danilo Padilha Nascimento: 31 de julho de 1985 (29 anos), Cianorte, Paraná Altura: 1,85 m Peso: 80 kg Início de carreira: 2004 Time atualAssociação Chapecoense de Futebol (#1 / Goleiro)