Dida começa nova carreira como auxiliar de Seedorf em time chinês

Resultado de imagem para DIDA
Aposentado desde dezembro, Dida já tem uma nova carreira a seguir. O ex-goleiro iniciou na função de auxiliar técnico ao lado de Seedorf, em um clube da China. Como integrante do Shenzhen FC, da segunda divisão, o antigo camisa 1 da seleção brasileira migrou de vez para fora do campo.
A mudança já era ensaiada há tempos. Ainda em 2015, Dida fez curso de Gestão Técnica no Futebol, na Universidade do Futebol, e depois concluiu a 'licença A' junto à CBF. O curso promovido pela entidade é o único no Brasil reconhecido pela Conmebol e Fifa e dá habilitação para função de treinador.
No começo da atual temporada, o ex-goleiro da seleção, Vitória, Cruzeiro, Corinthians, Portuguesa, Grêmio e Inter fez período de observação justamente no Beira-Rio. Chamado popularmente de estágio, ele consta como exigência para conclusão do curso de treinador.
Seedorf e Dida jogaram juntos no Milan. O holandês foi anunciado como treinador do Shenzhen FC no começo de julho, mas a ida do antigo colega para a China ocorreu depois.
A temporada na segunda divisão chinesa já acabou e Dida voltou ao Brasil, onde deverá definir os próximos passos da carreira. O Shenzhen FC, mesmo com trabalho dos multicampeões, ficou longe do topo da tabela. A equipe terminou em nono lugar, com 40 pontos.
Resultado de imagem para uol logo

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"