ZH

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...

/

ESPORTE PARA TODOS!

 

OUÇA - A VIDA DE WILSON SILVA

domingo, 23 de outubro de 2016

VIDEO : Pelé: 76 anos do Rei do Futebol


VIDEO :


Como escrever sobre Pelé, em seu aniversário de 76 anos? É possível construir um texto digno de citar o Rei do Futebol? Que palavra de todos os dicionários do universo seria capaz de demonstrar a importância que ele tem para nós? Antes de relembrar os feitos futebolísticos que tornam quase impossível a missão de falar sobre Pelé, precisamos fixar uma palavra na eternidade: obrigado! Pelo Brasil ser o País do Futebol, obrigado! Pela magia em torno da Amarelinha, obrigado! 

Pelas estrelas em nossa camisa, obrigado! Por prometer a seu pai que traria felicidade àquele povo que chorava em 1950, obrigado! Pelos homens, mulheres e crianças que vão ao estádio torcer pelo seu time e pela Seleção Brasileira, obrigado! Por aqueles que assistem ao futebol pela TV, ouvem pelo rádio ou acompanham pela internet, obrigado! Pelos debates sobre futebol nos grupos de Whatsapp, obrigado! OBRIGADO, PELÉ! 

 Obviamente, nosso Rei não conquistou tudo isso sozinho. Teve muita ajuda e companhia mais do ilustre. Outros gênios do futebol contribuíram para a construção desse acervo, mas o Atleta do Século é o maior representante da nossa história. Mostre uma camisa da Seleção Brasileira e será recebido com um sorriso em qualquer canto do planeta: "Brasil, Futebol, Pelé!" Mas o fato que motiva os agradecimentos de hoje nos leva a um PARABÉNS! 

76 anos, Pelé! Quanta coisa pra lembrar. Desde o dia 23 de outubro de 1940, quando Edson Arantes do Nascimento nasceu na cidade mineira de Três Corações... Quando tinha cinco anos, o pai Dondinho, artilheiro que atuou em diversos clubes mineiros, levou a família para morar em Bauru, interior de São Paulo. O menino Edson, já apelidado de Pelé, começou a jogar no time de crianças do Canto do Rio. Depois, no Sete de Setembro... até chegar ao juvenil do Bauru. Waldemar de Brito, craque da Seleção Brasileira nos anos 1930, era técnico do Bauru em 1954 e viu que aquele moleque tinha potencial. Levou Pelé para treinar com o juvenil do Santos. Tinha 16 anos e iniciou, assim, a trajetória fulminante. Era 1957 e ele estreou na Seleção Brasileira contra a Argentina, em jogo válido pela Copa Roca. Estava no banco, com a camisa 13, e entrou em campo no segundo tempo para marcar o primeiro dos 95 gols pelo Brasil. Ganhou o mundo. Viajou o mundo. 

Encantou o mundo com o Santos e a Seleção Brasileira. Campeão da Copa em 1958 (Suécia), com 17 anos. Bicampeão em 1962 (Chile). Tricampeão em 1970 (México). Atleta do Século, Maior Jogador do Mundo, Maior Artilheiro da História, Rei do Futebol, condecorado pela Rainha Elizabeth II com a Ordem de Cavaleiro Comandante da Mais Excelente Ordem do Império Britânico, responsável por uma trégua na guerra civil no Congo Belga na década de 1960, autor do tento que deu origem à expressão "gol de placa", autor do milésimo gol no Maracanã... PELÉ! Substantivo, adjetivo, superlativo... declaração de amor ao futebol. PARABÉNS! Vida eterna! 

E, mais uma vez e para sempre, OBRIGADO!!!

TEXTO : CBF HOME PAGE