Pular para o conteúdo principal

Seleção Brasileira começa a se apresentar em Natal



Resultado de imagem para CBF








A Seleção Brasileira começou a se apresentar neste domingo (2) em Natal, local do próximo compromisso pelas Eliminatórias Copa do Mundo Rússia 2018, contra a Bolívia. 

Sete jogadores, além da comissão técnica e dos atletas sub-20, já estão na capital do Rio Grande do Norte. Renato Augusto, Muralha, Rafael Carioca, Weverton, Paulinho, Fágner e Lucas Lima são os jogadores presentes. 

Os três primeiros vieram do Rio de Janeiro, assim como o técnico Tite, enquanto o restante saiu de São Paulo. Os cinco atletas sub-20, que fazem parte de um projeto de integração com as categorias de base e também auxiliam nos treinamentos da equipe, são Auro (lateral-direito/São Paulo), Pedro (atacante/Fluminense), Ayrton (lateral-esquerdo/Fluminense), Léo Xavier (zagueiro/Vitória) e Henrique Trevisan (zagueiro/Figueirense). 

 A Seleção Brasileira realiza seu primeiro treinamento em Natal já nesta segunda-feira (3). A atividade, que será realizada na Arena das Dunas, palco da partida contra a Bolívia, está marcada para as 18h.


CBF

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.