Pular para o conteúdo principal

GP: Para dirigentes de clubes brasileiros, nova Libertadores banaliza os Estaduais

Resultado de imagem para bola murcha
As mudanças para a próxima edição da Copa Libertadores agitam os 20 clubes da Série A do Campeonato Brasileiro. O fato de ter mais vagas para os times do Brasil e o torneio continental ocorrer entre fevereiro e novembro exigem alterações no planejamento das equipes. 

 A reportagem entrou em contato com os 20 participantes da Série A no começo do mês e 14 deles responderam o que acharam da “nova competição” e deram sugestões de mudanças. Casos de Corinthians, São Paulo, Palmeiras, Santos, Flamengo, Grêmio, Internacional, Cruzeiro, América-MG, Chapecoense, Coritiba, Vitória e Sport.

 O Fluminense disse que, por causa das eleições no clube, não responderia aos questionamentos. A opinião entre os dirigentes é divergente. A maioria considera positivo o aumento no número de classificados – passou de cinco para sete clubes –, mas diverge sobre a possibilidade de aumentar o número de atletas para suportar a temporada (a Libertadores será disputada entre fevereiro e novembro). 

Todos entendem que os campeonatos estaduais correm ainda mais perigo de ser banalizados.
Resultado de imagem para gazeta do povo

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

O time do Alto da Bica - A foto que virou saudade

O time do Alto da Bica surgiu, consultando minha memória, ali pelos anos 90 e pouco, coincidindo com o início da era Parmalat. Isso talvez explique os meninos - que acompanham os craques - tão bem vestidos. A sede fica na margem da rodovia Cianorte – São Tomé, logo após o ribeirão São Tomé, num trecho conhecido como Bica, por isso o nome: Alto da Bica.

Frequentado por cianortenses ilustres congrega em sua maioria os palmeirenses - também consultando minha memória, e o Avanti -. Nesta foto, em 98, vemos o elenco pronto para mais uma vitória; vou fazer a escalação e pedir mil perdões se errar o nome de alguém, pois embora conhecendo pela fisionomia posso me confundir na denominação. De pé, da esquerda para a direita: Miguel Deneka, Flávio Vieira, Cometa, Gaúcho, Jácomo e Zezé; agachados, na mesma ordem: Antônio Rogério, Maurício, Nilo, Deíca e Spagola...

Por Marco Antônio de Paula Franco