Pular para o conteúdo principal

Com mais de 2.800 pessoas, Operário é Campeão invicto da Taça FPF Sub-23 e está na Série D do Brasileiro


O Operário é o Campeão da Taça FPF Sub-23 de 2016. O Fantasma venceu o Andraus na manhã deste domingo, 09, jogando no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, por 1 a 0, e recebeu das mãos do presidente Hélio Pereira Cury, o troféu Edgard Felipe. Para pouco mais de 2.800 pessoas, o Operário marcou o único gol do jogo com Vandinho, aos quatro minutos da segunda etapa. Com o gol, o jogador conquistou o troféu de artilheiro da competição, com seis gols marcados. Com a conquista do título, o Fantasma conquistou também uma vaga no Campeonato Brasileiro da Série D e vai disputar a competição em 2017. O Operário disputou 10 jogos nesta segunda edição da Taça FPF. Foram sete vitórias e três empates. A equipe conquistou o título de maneira invicta. 

O Fantasma marcou 26 gols e sofreu 5, ficando com um saldo positivo de 21 gols. Troféu Edgard Felipe O campeão de 2016 receberá o Troféu Edgard Felipe, em homenagem ao narrador oficial da primeira edição da competição e que faleceu no início deste ano. Nascido no interior de São Paulo, Edgard iniciou a carreira no rádio com apenas 14 anos, trabalhando como operador de áudio. Nos anos 80, mudou-se para Curitiba, onde já fazia narrações de jogos e ficou conhecido pelo bordão “passou, passou, passou na rede é gol”. 

Na capital paranaense, trabalhou nas rádios Clube, Banda B, Globo e CBN. No ano passado, firmou uma parceria com a Federação Paranaense de Futebol, acreditando na nova competição lançada pela entidade, a Taça FPF para a categoria Sub-23. Neste período, narrou praticamente todos os jogos televisionados da competição, que foram transmitidos pela É-Paraná e Catve.
Resultado de imagem para federação paranaense de futebol

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.