Na estreia de Tite, Brasil faz 3 a 0 no Equador

Com o pé direito. Assim o técnico Tite iniciou a trajetória na Seleção Brasileira. Em sua primeira partida no comando da equipe, a Canarinho venceu o Equador, no Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito, por 3 a 0. Os gols do triunfo, válido pela sétima rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo Rússia 2018, foram marcados por Neymar e Gabriel Jesus (2). Com fôlego até o apito final do árbitro, o time mostrou que a estratégia da comissão técnica de iniciar os treinos no local da partida três dias antes do jogo, buscando uma boa adaptação aos mais de 2.800m de altitude, deu certo. Com o resultado, o Brasil, que não vencia em Quito desde 1983, chegou a 12 pontos na tabela de classificação e ganhou duas posições, subindo para o quarto lugar. 
VIDEO

A Seleção Brasileira volta a campo na próxima terça-feira (6), contra a Colômbia, na Arena da Amazônia, em Manaus (AM), às 21h45 (de Brasília). 

                       O JOGO 

 Explorando o fator casa, o Equador teve a primeira boa chegada da partida. Ainda aos dois minutos, Miranda subiu e se esticou todo para cortar cruzamento perigoso na área brasileira. A Seleção respondeu no minuto seguinte, com chute de Gabriel Jesus que assustou o goleiro Domínguez. Dois minutos depois, foi a vez de Willian, com uma finalização de longe, oferecer perigo ao arqueiro adversário. 

Aos 15, Jesus tentou de longe e obrigou Domínguez a defender em dois tempos. Apesar de ter mais posse de bola e finalizar mais vezes, o Brasil não conseguiu abrir o placar. Na etapa final, a Seleção voltou ainda melhor. Logo no primeiro minuto, Neymar recebeu pela esquerda, cortou para o meio e bateu com muita força, tirando tinta da trave. Aos 19, Marcelo aproveitou a sobra e bateu com muita força, mas a bola saiu pela linha de fundo. 

Cinco minutos depois, Gabriel Jesus arrancou em muita velocidade, ganhou de Mina na corrida e foi derrubado pelo goleiro Domínguez: pênalti. Neymar bateu no cantinho e abriu o placar. O Brasil queria mais. Já aos 41, Marcelo fez ótima jogada pela esquerda e cruzou para a área. Gabriel Jesus, com um lindo toque de calcanhar, ampliou. Cinco minutos mais tarde, Jesus recebeu de Neymar, girou para cima da defesa e bateu no ângulo para marcar o segundo dele em sua estreia na equipe principal e dar números finais ao confronto. 

Brasil: Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Paulinho, Casemiro, Renato Augusto e Willian (Philippe Coutinho); Neymar e Gabriel Jesus.

CBF

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"