ZH

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...

/

ESPORTE PARA TODOS!

 

OUÇA - A VIDA DE WILSON SILVA

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

F1 : "Rosberg e eu somos ferozmente competitivos", diz Hamilton

Resultado de imagem para lewis hamilton
EFE - Em plena luta pela liderança do Mundial de Pilotos da Fórmula 1, o britânico Lewis Hamilton afirmou que ele próprio e seu adversário na briga pelo título e companheiro de Mercedes, o alemão Nico Rosberg, são "ferozmente competitivos" e que espera uma grande luta entre ambos nas seis corridas que faltam até o fim da temporada.
Em declarações divulgadas pela própria Mercedes, o tricampeão mundial revelou que teve um "fim de semana difícil" no Grande Prêmio de Cingapura, o último disputado pelos pilotos. "Por isso, ir ao pódio nessas circunstâncias representa uma boa limitação dos danos", disse o britânico.
Rosberg venceu no circuito de Marina Bay e assumiu a ponta do Mundial de Pilotos, com 273 pontos contra 265 de Hamilton, que cruzou a linha de chegada na terceira posição. Para o tricampeão mundial, o companheiro fez um "trabalho excepcional".
"É assim que funciona. Somos ferozmente competitivos. Em algumas semanas, ele é genial. Em outras, sou eu", disse o britânico.
Sem vencer desde o Grande Prêmio da Alemanha, Hamilton afirmou não saber se conseguirá "mudar a inércia das últimas corridas", mas destacou que dará o máximo nas seis etapas restantes da temporada.
Nesse sentido, avisou que o Grande Prêmio da Malásia, que será disputado no próximo domingo, será a "primeira oportunidade" para recuperar a liderança do Mundial. "É uma pista na qual costumo ir muito bem. Além disso, a equipe recebe um apoio fantástico na Malásia", disse Hamilton, sem parecer se recordar de seu próprio histórico no circuito de Sepang.
Em nove corridas que disputou na Malásia, Hamilton venceu apenas uma em 2014. No ano passado, o britânico terminou com a segunda posição, atrás de Sebastian Vettel (Ferrari).
Resultado de imagem para agencia efe logo