Vasco e Ceará empatam em dia de recorde de público no Brasil


Resultado de imagem para vasco da gamaVasco e Ceará disputaram na noite desta terça-feira, no Castelão, a última rodada do primeiro turno da Série B do Campeonato Brasileiro. Todos esperavam uma boa partida de líder contra o segundo colocado da competição. Tanto que 55.445 pessoas pagaram o ingresso para a partida, marcando o recorde do Brasil em 2016 - superou o jogo do São Paulo contra a Chapecoense, que contou com 54.996 pagantes. Resultado de imagem para vasco da gama





Mas não curtiram o que viram no 0 a 0 que foi bem sem graça. A expectativa do Vasco era a de ver juntos, pela primeira vez em campo, Nenê e Éderson. A maior estrela de São Januário ao lado do mais novo xodó do time comandado nesta terça-feira por Zinho - já que Jorginho cumpria suspensão por conta de ter sido expulso diante do Criciúma, no fim de semana passado -, prometia embalar e levar a torcida ao delírio. 

Mas não foi bem isso que aconteceu.  Com recorde de público no Castelão, Ceará e Vasco empatam por 0 a 0 Dupla formada por Éderson e Nenê pode dar muito certo, diz especialista Em duelo pela parte de cima da tabela, Vasco encara vice-líder Ceará Jorginho aposta em Nenê e Éderson para confronto direto contra o Ceará Éderson e Thalles marcam e Vasco vence o Criciúma em casa Graça apenas na arquibancada. 

Vasco e Ceará empatam em dia de recorde Ceara x Vasco  Na realidade, o que os mais de 50 mil torcedores que compareceram ao Castelão assistiram foi um Vasco recuado, com Nenê fora de ritmo em seu retorno. Éderson esperava a bola, mas a mesma não chegava. O Ceará, por sua vez, foi para cima, aproveitando a falta de desejo dos vascaínos na última rodada do turno. O Ceará chegou com perigo aos nove minutos, quando Diogo Felipe aproveitou cruzamento de Felipe e mandou com perigo, tirando tinta da trave do gol defendido por Martin Silva. 

Os cearenses tiveram nova oportunidade aos 20, com Rafael Costa mandando para fora. O arqueiro uruguaio do Vasco ainda fez outra importante defesa aos 32, em novo chute de Rafael Costa. No retorno para o segundo tempo, tanto o Vasco quanto o Ceará não mudaram muito o panorama da etapa inicial. Parecia que os jogadores das duas equipes estavam satisfeitos com o resultado, querendo que a partida acabasse o quanto antes e entrassem de folga logo - o Vasco, por exemplo, voltará a treinar na quarta-feira da semana que vem. 

Os goleiros Éverson e Martin Silva, ao longo da etapa final, quase não tocaram na bola. O 0 a 0 ficou de bom tamanho. Agora, a Série B para por conta do Rio 2016. E o Vasco segue líder. 

FICHA TÉCNICA 

CEARÁ 0 X 0 VASCO 
 Estádio: Castelão, em Fortaleza (CE) 
 Data/hora: 2/8/2016 - 21h30 (de Brasília) 
 Árbitro: Rafael Traci (PR) 
 Auxiliares: Luiz H Souza Santos Renesto (PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR) 
 Renda/público: R$ 1.231.465,00/55.445 pagantes 
 Cartões amarelos: Richardson, William Henrique e Eduardo (CEA), Andrezinho, Jorge Henrique e Nenê, Yago Pikachu (VAS) 

CEARÁ: Éverson, Eduardo, Charles (Lucas Gomes 43'/2ºT), Valdo e Thallyson; Diego Felipe, Richardson, Wescley e Felipe; William Henrique (Serginho 29'/2ºT) e Rafael Costa (Tiago Cametá 35'/2ºT). Técnico : Sérgio Soares. 

 VASCO: Martin Silva, Madson, Rafael Marques (Jomar 25'/2ºT), Rodrigo e Julio Cesar (Henrique 14'/2ºT); Diguinho, Yago Pikachu (Eder Luis 36'/2ºT), Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique e Éderson. Técnico : Zinho.
Resultado de imagem para terra esportes

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"