ZH

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...

/

ESPORTE PARA TODOS!

 

OUÇA - A VIDA DE WILSON SILVA

domingo, 21 de agosto de 2016

Sob chuva, Kipchoge vence maratona, e brasileiros ficam longe do pódio

A bateria da escola de samba da União da Ilha estava presente no Sambódromo, local da largada e chegada da maratona da Rio 2016. Mas quem ditou o ritmo da prova masculina de 42,195km foi a chuva e os corredores da África, com o queniano Eliud Kipchoge (2h08m04s) chegando em primeiro e o etíope Feyisa Lilesa (2h09m54s) com a prata. 
Eliud Kipchoge maratona Olimpíada ouro (Foto: Sergio Moraes / Reuters)
O penetra no pódio africano foi Galen Rupp, dos Estados Unidos, que terminou em terceiro (2h10m05s). Já os brasileiros Paulo Roberto Paula obteve a 15ª posição, Marilson dos Santos, a 59ª, e Solonei Rocha, a 78ª. Kipchoge completou o percurso em 2h08m44s, conquistando assim sua sexta vitória em seis maratonas disputadas. - Estava um pouco lenta a prova, então eu decidir tomar a frente. Talvez tenha sido a chuva, talvez não. 

Todos querem a medalha. Vim aqui para o ouro. Foi incrível para nós. Os quenianos vão ficar muito felizes. É histórico, a primeira vez que o Quênia vence a maratona masculina e a feminina na mesma Olimpíada. 

É o melhor momento da minha vida - contou Kipchoge, lembrando que Jemina Sumgong foi a campeã no Rio.
Resultado de imagem para g1 logo png