Pular para o conteúdo principal

Primeira lista de convocados do técnico Tite

O técnico da Seleção Brasileira, Tite, divulgou sua primeira lista de convocados para 
a disputa dos dois próximos jogos pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. 
Confira os 23 escolhidos abaixo:
Goleiros
Alisson - Roma
Marcelo Grohe - Grêmio
Weverton - Atlético Paranaense

Laterais
Daniel Alves - Juventus
Fagner - Corinthians
Filipe Luís - Atlético de Madrid
Marcelo - Real Madrid

Zagueiros
Gil - Shandong Luneng
Marquinhos - PSG
Miranda - Inter de Milão
Rodrigo Caio - São Paulo

Meio-campistas
Casemiro - Real Madrid
Giuliano - Zenit
Rafael Carioca - Atlético Mineiro
Paulinho - Guangzhou Evergrande
Lucas Lima - Santos
Renato Augusto - Beijing Guoan
Philippe Coutinho - Liverpool
Willian - Chelsea

Atacantes
Neymar - Barcelona
Gabriel - Santos
Gabriel Jesus - Palmeiras
Taison - Shakhtar Donetsk

A Seleção Brasileira convocada por Tite enfrentará o Equador no dia 1º de setembro, 
]no Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito, às 18h. 
No dia 6 de setembro, encara a Colômbia na Arena da Amazônia, em Manaus, às 21h45.
 O Brasil ocupa a sexta colocação na tabela das Eliminatórias, com 9 pontos.

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.