Pular para o conteúdo principal

Na Vila Belmiro, Santos FC bate o Atlético (MG) por 3 a 0 e volta ao G4 do Brasileiro

Gustavo Henrique e Copete comemoram gol na Vila Belmiro (Foto: Ivan Storti/SantosFC)

Consolidando se rodada a rodada como favorito ao título o Santos FC voltou a vencer no Campeonato Brasileiro 2016. Pela 20ª rodada, na Vila Belmiro, o Peixe bateu o Atlético (MG) por 3 a 0 na tarde deste domingo. Com este resultado, Alvinegro Praiano chegou aos 36 pontos na segunda colocação do Nacional. 

Os gols da partida foram marcados por Gustavo Henrique e Ricardo Oliveira (2). Com a Vila Belmiro em uma atmosfera contagiante, o time santista se lançou ao ataque de forma muito intensa. Com 10 minutos de jogo, Renato, de fora da área, e Ricardo Oliveira, de cabeça, obrigaram Vitor a fazer difíceis defesas. Neste ritmo, o gol do Peixe não demorou a sair. Aos 12 minutos, Jean Mota cobrou escanteio na pequena área e viu Gustavo Henrique subir mais alto que a zaga atleticana para cabecear para o fundo da rede. 

 O Alvinegro Praiano seguiu dando trabalho para a defesa visitante no primeiro tempo. Com Copete, Vitor Bueno, Jean Mota e Ricardo Oliveira, em velocidade, o time do técnico Dorival Júnior sufocou o Atlético. Mas, somente aos 23 minutos do segundo tempo, Ricardo Oliveira marcou o segundo tento santista. 

Após cruzamento de Jean Mota, em cobrança de escanteio, o camisa 9 do Peixe se livrou da marcação e mergulhou sozinho para cabecear para o gol.
Santos Futebol Clube

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.