Pular para o conteúdo principal

Corinthians acerta com atacante Gustavo , volante do Paraná fica próximo

Resultado de imagem para meu timão logo png

Enquanto Bruno Henrique, Luciano e André deixam o Corinthians, outros chegam para reforçar o elenco do técnico Cristóvão Borges. Após a virada por 2 a 1 sobre o Vitória, o Timão se reapresentou ao CT Joaquim Grava nesta terça-feira à tarde com novidades: o volante Jean, promessa do Paraná, e o atacante Gustavo, artilheiro da Série B pelo Criciúma, devem ser anunciados ainda esta semana.
“Estamos conversando com o Criciúma. Posso dizer que está bem adiantado. Acredito que nos próximos dias a gente possa acertar a contratação do Gustavo”, confirmou o presidente Roberto de Andrade em entrevista coletiva.
O Timão manifesta interesse em “Gustagol”, como é conhecido pela torcida do clube catarinense, desde meados de junho. O jogador soma 11 gols na edição 2º16 da divisão de acesso do futebol brasileiro e tinha multa rescisória no valor de R$ 12 milhões. Andrade não divulgou os números do negócio, bem como o tempo de contrato.
Questionado se a chegada de Gustavo se daria apenas por conta da saída de André, vendido ao Sporting, de Portugal, Roberto foi pragmático. “Viria, tanto é que a negociação já dura algumas semanas. A gente já vem conversando com o Criciúma. Negócio do André surgiu faz três dias, foi no final de semana. Se Deus quiser, o Gustavo vai dar certo e o André está saindo”, acrescentou o presidente corinthiano.
Já Jean, do Paraná, é contratação indicada pela comissão técnica do Timão. O meio-campista tem características de primeiro volante, diferentemente de Maycon e Marciel – emprestados recentemente a Ponte Preta e Cruzeiro, respectivamente – e reforça o plantel de Cristóvão. O jovem jogador deve chegar ao Parque São Jorge nos próximos dias.
“Estamos vendo também. É uma possibilidade que estamos finalizando. Se der certo, possivelmente”, frisou Andrade.

Novas contratações?

Jean e Gustavo devem ser os únicos reforços do Corinthians até o fim do Campeonato Brasileiro. De acordo com o diretor adjunto de futebol do clube, Eduardo Ferreira, o fim da janela de transferências internacionais dificulta possíveis negociações. “Hoje o foco é nos próximos dias estar finalizando o Gustavo. Sabemos que as janelas estão fechadas e a do país fecha agora, dia 15 de setembro. Continuamos observando os jogadores, caso do Jean, que já vinha sendo observado há três, quatro meses. Outros estão em pautas. Hoje não existe nada focado em centroavante ou em outra posição. São atletas que agradam a parte técnica e financeira”, explicou o dirigente.
Resultado de imagem para meu timão logo png

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"

Sempre publico nesse espaço matérias sobre a carreira do goleiro Danilo da Chapecoense , que considero o melhor goleiro do futebol brasileiro , formado e revelado pelo Cianorte FC time de sua cidade natal , tem como ponto alto um caráter diferenciado herdado dos pais , meus amigos Nilson e Ilaídes(foto). O  filho Danilo , também é filho de Cianorte e tem um respeito enorme do torcedor paranaense , tanto  é que enquanto atuou no Londrina E.C  recebeu o apelido de PAREDÃO  do torcedor londrinense devido as atuações brilhantes na meta do LEC .

Atuou também pelo Cianorte FC , Nacional de Rolândia , Engenheiro Beltrão e Operário Ferroviário de Ponta Grossa atual campeão Paranaense de Futebol. ( clubes do interior do Paraná)

Marcos Danilo Padilha Nascimento: 31 de julho de 1985 (29 anos), Cianorte, Paraná Altura: 1,85 m Peso: 80 kg Início de carreira: 2004 Time atualAssociação Chapecoense de Futebol (#1 / Goleiro)

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.