Pular para o conteúdo principal

América aproveita expulsão e vence o Santos, que não retoma a liderança


Com um jogador a mais no final da partida, o América-MG surpreendeu o Santos, que brigava pela liderança, fez 1 a 0 e conquistou sua terceira vitória no Brasileirão. A derrota impediu a retomada da liderança pelo time paulista, que também perdeu a chance de ficar com o simbólico título de campeão do primeiro turno. 

Juninho marcou para a equipe mineira aos 44 minutos do segundo tempo, quando o goleiro adversário era Vladimir – Vanderlei havia sido expulso pouco antes ao fazer falta fora da área em Vitor Rangel.
                                                        FICHA TÉCNICA
América-MG 1 x 0 Santos
Data: domingo, 7 de agosto de 2016
Horário: 11h (de Brasília)
Local: Estádio Independência
Árbitro: Pablo dos Santos Alves
Assistentes: Luis Felipe Gonçalves e Oberto Santos da Silva (ambos do PB)
Gol: Juninho (América- MG), aos 44 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Gilson e Leandro Guerreiro (América-MG); Lucas Lima (Santos).
Cartão vermelho: Vanderlei (Santos).

América-MG: João Ricardo; Alison, Sueliton, Jonas e Gilson; Pablo, Leandro Guerreiro (Diego Lopes), Juninho e Matheusinho (Victor Rangel); Osman e Michael (Danilo).
Técnico: Enderson Moreira


Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Caju; Léo Cittadini, Renato, Vitor Bueno (Vladimir), Lucas Lima (Jean Mota); Copete e Rodrigão (Joel).
Técnico: Dorival Jr.

Resultado de imagem para GLOBO ESPORTE.COM

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.