Pular para o conteúdo principal

Jogos Universitários do Paraná :Futsal feminino de Cianorte derrota o Guairacá/Guarapuava, por 7 a 0 e garante o seu quarto título universitário do Paraná.

Recebi a  boa notícia nesta quinta 28 de julho que a equipe da Unipar/C.A.F.E FUTSAL FEMININO, conquistou o título do Jogos Universitário de 2016 sagrando-se tetra Campeã Paranaense ;trabalho esse iniciado por Denilson Cunha que foi tri... 
Assim a Unipar/C.A.F.E FUTSAL, representará Cianorte e o Parana nos jogos universitários Brasileiro que será em Cuiabá. 
''Nossa responsabilidade aumenta pois, vamos à Cuiabá representar nosso estado e vamos treinar duro para tal desafio, aproveito para agradecer o trabalho do nosso preparador físico Renan ponset que fez um bom trabalho e sobrou perna para nossa equipe nessa competição e ao presidente Beto que vem fazendo bom trabalho, não posso esquecer do professor Vitor que fez um ótimo trabalho nos jogos e ajudou muito para levar o nome da Unipar ao topo, agradeço também ao secretário de esportes Valter Digiorgio que não mede esforços para apoiar todas modalidades esportivas de nossa querida Cianorte, Prof: Cleverson Santana''.

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.