ZH

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...

/

ESPORTE PARA TODOS!

 

OUÇA - A VIDA DE WILSON SILVA

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Federação Colombiana de Futebol felicita Atlético Nacional por conquista histórica

O Atlético Nacional da Colômbia coroou-se nesta quarta-feira campeão da Copa Libertadores da América 2016 ao vencer Independiente del Valle do Equador por 1-0, no jogo de volta da final disputado no estádio Atanasio Girardot em Medelim.
O gol da equipe colombiana foi realizado aos oito minutos por Miguel Angel Borja, 
o grande craque da equipe cafeteira nos duelos decisivos das rodadas 
finais do certame continental.
O conjunto verdolaga foi superior na série, na qual empatou 1-1 na final de ida há uma semana em Quito, porém teve que enfrentar a destreza e a coragem dos equatorianos, 
que nunca deram por vencidos mesmo carecendo de contundência no ataque.
Os dirigidos por Reinaldo Rueda, deram o segundo título da Libertadores ao 'Rei de Copas' da Colômbia depois do conquistado em 1989. O time fez história ao somar 33 pontos nesta edição impondo um novo récorde para o certame.
O triunfo do Atlético Nacional consolidou o domínio dos clubes colombianos no continente, pois se assoma o título do Independiente Santa Fe na Copa Sul-Americana 2015.
Ficha Técnica
Copa Libertadores 2016 – Final – Jogo de volta
Atlético Nacional (COL) – Independiente del Valle (EQU)  1 - 0  (1-0)
Estádio: Atanasio Girardot
Público: 47.000 espectadores
Clima: temperado Terreno: bom estado
Árbitro: Néstor Pitana. Linhas: Ezequiel Brailovsky e Ariel Scime. (trio da Argentina)
Gols:
 Atl. Nacional: Miguel Borja (8)
Admoestações:

Atl. Nacional: Alejandro Guerra (40), Miguel Borja (73), Ezequiel Rescaldani (90+2)
Independiente del Valle: Mario Rizotto (28), Junior Sornoza (43)

Formações:

Atlético Nacional: Franco Armani - Daniel Bocanegra, Dávinson Sánchez, Alexis Henríquez, Farid Díaz - Alexander Mejía, Alejandro Guerra (Diego Arias, 88), Macnelly Torres, Orlando Berrío, Marlos Moreno (Andrés Ibargüen, 76) - Miguel Borja (Ezequiel Rescaldani, 80). DT: Reinaldo Rueda.

Independiente del Valle: Librado Azcona - Christian Núñez, Arturo Mina, Luis Caicedo, Emiliano Tellechea (Miller Castillo, 78) - Jefferson Orejuela, Mario Rizotto, Julio Angulo (Jonathan González, 71), Junior Sornoza (Jonny Uchuari, 46), Bryan Cabezas - José Angulo. DT: Pablo Repetto.


AFP
CONMEBOL.com

A Federação Colombiana de Futebol estende com orgulho seus mais sinceros prabens  ao clube Atlético Nacional de Medelim pelo título da Copa Libertadores da América, obtido nesta quarta-feira dia 27 de julho, ao vencer Independiente del Valle do Equador por 1-0 no estádio Atanasio Girardot. 

 Depois de 27 anos daquela memorável gesta ante o clube Olimpia do Paraguai em Bogotá que representou o primeiro título para uma equipe colombiana na história deste certame, a torcida verdolaga voltou a celebrar uma nova proeza de sua instituição que deixou em alto o nome do futebol do nosso país a nivel internacional. 

 FCF felicita este talentoso grupo de jogadores, corpo técnico e diretivo que representaram com o coração toda uma nação durante estes seis meses de exigente competição, nos quais deixaram plasmado o sentido patrio, a entrega e ante tudo o profissionalismo de uma instituição seria e comprometida com o progresso do nosso futebol. 

 Novos desafios como o Mundial de Clubes da FIFA no Japão virão no caminho para o clube Atlético Nacional que graças a este novo êxito internacional continua magnificado a bonita história do futebol da Colômbia e do nosso continente .
Fonte: página web da FCF
Início