Pular para o conteúdo principal

Acordo garante segurança para jogos de futebol da Olimpíada em SP

banner_caminho_do_podio.jpg
O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, assinaram hoje (28) acordos de cooperação na área de segurança para as dez partidas de futebol que serão disputadas na capital paulista durante os Jogos Olímpicos 2016. 

Os acordos também preveem um plano de segurança para as delegações que ficarão hospedadas em São Paulo durante os jogos e para a passagem da tocha olímpica em algumas cidades do estado.

“Recebemos o plano tático para os trabalhos dos Jogos Olímpicos e, também, o percurso da tocha olímpica aqui no estado de São Paulo e assinamos convênios importantes, no valor de R$ 12,5 milhões, que incluem desde veículos até equipamentos de inteligência, toda parte de comunicação, proteção, veículos raio-X e scanner”, disse Alckmin.

 O governador deu em entrevista na sede do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), local em que há um centro de controle e monitoramento de segurança que será usado durante os jogos.
Resultado de imagem para ebc logo

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.