Colômbia inaugura Copa América Centenário derrotando EUA 2-0

A Seleção Colombiana, liderada por James Rodríguez, começou com o pé direito
 o torneio centenário, com um sólido triunfo 2-0 ante o anfitrião Estados Unidos
 nesta sexta-feira em Califórnia (oeste).
O zagueiro Cristian Zapata marcou o primeiro gol do torneio aos 8 minutos ao 
rematar um tiro de esquina e, a estrela do Real Madrid aumentou o placar
 com um pênalti cobrado aos 42' no encontro disputado no Levi's Stadium de Santa Clara.
O triunfo deixa a Colômbia muito bem posicionada no grupo A que integram também 
Costa Rica e Paraguai e é considerado o "grupo da morte" nesta 
edição especial do torneio que reúne 16 seleções da Conmebol e da Concacaf.
A vitória da equipe do técnico argentino José Pekerman, em plena renovação, 
foi justa já que impôs a diferença de técnica de suas estrelas e mostrou-se sólida 
na defesa ante uma seleção estadunidense com poucas ideias.
Uma onda amarela de milhares de simpatizantes colombianos deu cor à abertura 
do torneio no belo estádio que apresentou um total de 67.439 espectadores, segundo 
os organizadores.
Copa América Centenário - Grupo A - Primeira data
Estados Unidos - Colômbia 0 - 2 (0-2)
Estádio: Levi's Stadium (Santa Clara, California, oeste)
Público: 67.439 espectadores
Clima: caloroso (33 graus). Terreno: excelente
Árbitro: Roberto García. Linhas: José Luis Camargo e Alberto Morin (trio mexicano)
Gols: Colômbia: Cristian Zapata (8), James Rodríguez (42, de pênalti)
Admoestados:
Estados Unidos: Alejandro Bedoya (57)
Equipes:
Estados Unidos: Brad Guzan - DeAndré Yedlin, Geoff Cameron, John Brooks, Fabian Johnson - 
Michael Bradley, Jermaine Jones (Darlington Nagbe, 66), Alejandro Bedoya (Graham Zusi, 85) - 
Bobby Wood (Christian Pulisic, 66), Clint Dempsey e Gyasi Zardes. DT: Jürgen Klinsmann.
Colômbia: David Ospina - Santiago Arias, Cristian Zapata, Jeison Murillo, Farid Díaz - 
Juan Cuadrado, Sebastian Pérez (Carlos Sánchez, 85), Daniel Torres, 
James Rodríguez (Guillermo Celis, 73), Edwin Cardona - Carlos Bacca (Dayro Moreno, 88).
 DT: José Pekerman.
Resultado de imagem para conmebol

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"