ZH

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...

/

ESPORTE PARA TODOS!

 

OUÇA - A VIDA DE WILSON SILVA

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Chile e Argentina reeditam final e Bolívia encara o debutante Panamá

Uma Argentina com a possível ausência de sua estrela Lionel Messi e o campeão reinante, Chile, voltam a se enfrentar nesta 2ªf. no início das disputas do Grupo D da Copa América Centenário, em que fará uma histórica estreia do Panamá frente a Bolívia que deseja ter um grande começo no torneio continental. Argentina x Chile O esperado duelo entre albicelestes e a 'Roja', rivais na final da Copa América-2015, em que o Chile ganhou numa dramática definição por pênaltis, começará às 19:00 locais (21:00 de Bogotá e 23:00 de Buenos Aires) no Levi's Stadium da cidade californiana de Santa Clara. Na lembrança de todos está a dramática final jogada há um ano no estádio Nacional de Santiago do Chile em que a 'Roja' venceu nos pênaltis trás um empate a zero e conquistou seu primeiro título internacional com uma geração brilhante.

 A primeira grande diferença é a possível ausência de Messi, afetado por uma forte contusão nas costelas durante um amistoso contra Honduras (1-0) dez dias atrás e que treinou separado do grupo desde que chegou aos Estados Unidos na sexta-feira. A outra é a mudança de treinador no Chile, com a chegada neste ano do argentino Juan Antonio Pizzi para substituir seu compatriota Jorge Sampaoli, grande artífice da Copa América-2015. Esta revanche na Califórnia tem lugar depois que a Argentina ganhou por 2-1 do Chile em março passado pelas eliminatórias sul-americanas para Rússia-2018, precisamente no primeiro jogo de Pizzi. 

  Estatísticas: 

Possuem um dos históricos mais amplos da Copa América com 25 antecedentes. Argentina está invicta com 18 triunfos e 7 empates. Marcou 56 gols e recebeu 12. - Dos 10 primeiros jogos do histórico, 9 foram êxitos argentinos. Com exceção do torneio de 1926 quando igualaram 1-1. - Em só três cotejos, a Argentina não marcou gols. Foi no 0-0 das edições 1942, 1991 e 2015. Esta última é a recordada final onde Chile se consagrou campeão nos pênaltis. - Chile só uma vez conseguiu marcar mais de um gol na Argentina. Foi em 28 de março de 1957 em Lima, na goleada por 6-2. As duas conquistas foram de José Fernández Pênaltis: Argentina converteu os três que executou. Dois de Juan Brown há 100 anos, no inicial torneio de 1916 e o restante por meio de Oreste Corbatta em 1957. Já o Chile nunca teve um a favor contra a “albiceleste” Primeiro jogo: Argentina 6 – Chile 1 (Torneo 1916) Último encontro: Argentina 0 – Chile 0 (Final 2015). Chile saiu campeão nos pênaltis 

  Bolívia x Panamá -  Mais Cedo, a partir das 19:00, em Orlando, Flórida (sul), (18:00 de Bogotá, 20:00 Buenos Aires) a seleção panamenha fará a sua estreia absoluta em uma Copa América enfrentando a Bolívia no estádio Camping World da cidade conhecida mundialmente por seus parques de diversões. Será a estreia no evento de uma Bolívia que já soube ganhar o título, localmente, em 1963. Na frente o condutor da equipe adversária é um sul-americano, o colombiano Hernán Darío Gómez, que antes da prévia do encontro mostrou respeito pelo selecionado boliviano. Enquanto isso o treinador da equipe sul-americana, Julio Cesar Valdivieso deixou claro que "na realidade, o único resultado que (nos) serve é vencer o Panamá. 

Chegamos à Copa América para fazer o melhor que pudermos", disse o ex-futebolista, agora técnico, na conferência de imprensa antes do duelo. Estatísticas: Para Bolívia será partida número 110 na história do certame, onde acumula 20 triunfos, 26 empates e 63 derrotas. Marcou 102 gols e recebeu 272. Na edição 2015, no Chile teve uma boa atuação alcançando as quartas de final, onde foi eliminado pelo Peru. Marcou um progresso, já que nas cinco anteriores havia sido eliminado na primeira fase. Sua última grande atuação no certame continental, foi no vice-campeonato obtido em 1997.





  Texto: AFP/Eduardo Bolaños/conmebol.com Gráfico: DD/conmebol.com

See more at: http://www.conmebol.com/pt-br/chile-e-argentina-reeditam-final-e-bolivia-encara-o-debutante-panama#sthash.E1JMbrOs.dpuf
Resultado de imagem para conmebol