Pular para o conteúdo principal

Fique por dentro : Qual a origem do termo "gandula" no futebol?


O futebol é considerado por muitos um grande espetáculo, os jogadores, os técnicos e a torcida fazem parte desta festa e podem ser consideras peças chaves para sua realização. 

No entanto, outra figura importante é o gandula: personagem coadjuvante, mas indispensável para o andamento da partida - quem mais iria ficar correndo atrás das bolas? Mas afinal, você sabe qual a origem do nome "gandula" no futebol? 

De acordo com o livro 'Oh dúvida cruel', o termo "gandula", usado para denominar o pegador de bolas em um estádio de futebol, originou-se do nome de um jogador argentino de futebol que veio para o Brasil nos anos 40 contratado pelo Vasco da Gama. Bernardo Gandulla jamais era escalado, ficava então assistindo a treinos e jogos, e não havia uma só bola que escapasse do campo, que Gandulla não corresse para buscá-la, devolvendo educadamente para os colegas titulares.

 Daí a origem do nome "gandula" para os garotos, e agora também meninas, que repõem a bola nos estádios. Você tem perguntas sobre algo curioso ou inusitado? Então participe do Você Sabia?. Clique aqui e envie já a sua pergunta. 
Resultado de imagem para site terra logo
                                        Redação Terra

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

O time do Alto da Bica - A foto que virou saudade

O time do Alto da Bica surgiu, consultando minha memória, ali pelos anos 90 e pouco, coincidindo com o início da era Parmalat. Isso talvez explique os meninos - que acompanham os craques - tão bem vestidos. A sede fica na margem da rodovia Cianorte – São Tomé, logo após o ribeirão São Tomé, num trecho conhecido como Bica, por isso o nome: Alto da Bica.

Frequentado por cianortenses ilustres congrega em sua maioria os palmeirenses - também consultando minha memória, e o Avanti -. Nesta foto, em 98, vemos o elenco pronto para mais uma vitória; vou fazer a escalação e pedir mil perdões se errar o nome de alguém, pois embora conhecendo pela fisionomia posso me confundir na denominação. De pé, da esquerda para a direita: Miguel Deneka, Flávio Vieira, Cometa, Gaúcho, Jácomo e Zezé; agachados, na mesma ordem: Antônio Rogério, Maurício, Nilo, Deíca e Spagola...

Por Marco Antônio de Paula Franco