Corinthians leva virada do Vitória e fica mais pressionado

Pressionado pelas eliminações no Campeonato Paulista e na Copa Libertadores da América – com direito a cobranças de torcedores organizados dentro do CT Joaquim Grava –, o Corinthians chegou a esboçar uma reação na tarde deste domingo, no Barradão. Ficou duas vezes à frente no placar, mas amargou uma derrota por 3 a 2 para o Vitória.Inicialmente, o trio de armadores em que o técnico Tite apostou em Salvador pareceu funcionar. Até Guilherme se tornou participativo ao lado de Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto, colaborando com os gols dos laterais Uendel e Fagner no primeiro tempo. Leandro Domingues anotou pelo Vitória. 

Na etapa complementar, no entanto, Marinho e Kieza fizeram a diferença para os donos da casa. Com esse resultado, o Corinthians permaneceu com apenas 1 ponto no Campeonato Brasileiro, consequência do empate sem gols com o Grêmio na estreia. Às 11 horas (de Brasília) de quinta-feira, o atual campeão voltará a Itaquera para buscar a recuperação contra a Ponte Preta. Já o Vitória, que havia sido goleado por 4 a 1 pelo Santa Cruz na primeira rodada, somou os seus primeiros 3 pontos e ainda quebrou um tabu de 12 anos sem ganhar do Corinthians (não obtinha um êxito desde 19 de maio de 2004, quando fez 2 a 0 no Barradão, pela Copa do Brasil). 

A equipe baiana visitará o América-MG às 21 horas (de Brasília) de quarta-feira, no Independência.
Resultado de imagem para terra esporte

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"