Pular para o conteúdo principal

Victor Luis é inscrito na vaga do lesionado Moisés para o Paulistão

Inscrito na vaga de lesionado, Victor Luis deve ganhar chance no Paulistão (Foto:Djalma Vassão/Gazeta Press)

Já vislumbrando a classificação para as fases finais do estadual, o Palmeiras comunicou nesta sexta, por meio da assessoria de imprensa, uma mudança no quadro de inscritos para o torneio. O volante Moisés, fora dos gramados desde meados de fevereiro por conta de uma fratura no pé, deu lugar ao lateral esquerdo Victor Luis.


 Tendo passado boa parte da última temporada emprestado ao Ceará para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro, Victor Luis voltou à Academia de Futebol no início deste ano e passou a fazer parte dos planos da comissão técnica. Nem a recente mudança no comando alviverde parece ter abalado a sequência do jovem. Após dar seus primeiros passos no profissional do Verdão durante o calvário para fugir do rebaixamento, em 2014, o jogador de 22 anos agora surge como opção para Cuca na lateral esquerda, já que Zé Roberto passou a ser escalado no meio-campo e Egídio ocupa a titularidade da posição. Contratado do croata Rijeka em janeiro, Moisés chegou a marcar seu primeiro gol com a camisa alviverde ainda no torneio de pré-temporada disputado no Uruguai. 

Por conta de alguns trâmites contratuais com o clube croata, o volante foi o último inscrito pelo Palmeiras para a disputa do Paulistão, ao lado de Rafael Marques – que também aguardou a chegada de documentos do chinês Henan Jianye. No entanto, sentiu uma lesão ligamentar no pé direito e foi operado logo no início do estadual, dia 15 de fevereiro, mesma data em que a Conmebol recolheu as inscrições de cada clube na competição. 

Na ocasião, Moisés foi substituído por Rodrigo, ex-Goiás, que ainda sequer estreou oficialmente. Com previsão de retomar os trabalhos com bola em quatro meses – meados de maio -, Moisés iniciou os trabalhos de fisioterapia uma semana após encarar a cirurgia. Além de Moisés e Rodrigo, os outros atletas que seguem treinando no Verdão sem maior uso são o zagueiro Nathan, o atacante Luan e o meia Fellype Gabriel.

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"

Sempre publico nesse espaço matérias sobre a carreira do goleiro Danilo da Chapecoense , que considero o melhor goleiro do futebol brasileiro , formado e revelado pelo Cianorte FC time de sua cidade natal , tem como ponto alto um caráter diferenciado herdado dos pais , meus amigos Nilson e Ilaídes(foto). O  filho Danilo , também é filho de Cianorte e tem um respeito enorme do torcedor paranaense , tanto  é que enquanto atuou no Londrina E.C  recebeu o apelido de PAREDÃO  do torcedor londrinense devido as atuações brilhantes na meta do LEC .

Atuou também pelo Cianorte FC , Nacional de Rolândia , Engenheiro Beltrão e Operário Ferroviário de Ponta Grossa atual campeão Paranaense de Futebol. ( clubes do interior do Paraná)

Marcos Danilo Padilha Nascimento: 31 de julho de 1985 (29 anos), Cianorte, Paraná Altura: 1,85 m Peso: 80 kg Início de carreira: 2004 Time atualAssociação Chapecoense de Futebol (#1 / Goleiro)

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.