Pular para o conteúdo principal

Com dois de Kleber, Coritiba goleia Toledo e enfrenta PSTC na semifinal


O Coritiba fez a sua parte com sobras no sábado. Após vencer o Toledo por 2 a 0 na ida, o time recebeu o rival no Couto Pereira e pouco ligou para a vantagem de poder perder por até um gol de diferença. Com dois gols de Kleber, artilheiro do Campeonato Paranaense com 12, a equipe ganhou por 4 a 0 e se garantiu nas semifinais da competição.
O Coxa pressionou desde o começo e abriu o placar com Kleber, aos 11 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, Alan Santos ampliou, aos 11, e o Toledo se complicou com a expulsão de Júnior Maceió, que cometeu pênalti. Kleber converteu, aos 21, e Juan selou a goleada, aos 41.
O adversário do Coritiba nas semifinais será  o PSTC, que avançou nos pênaltis. Jogando na casa do J. Malucelli, o time devolveu a derrota por 3 a 0 que tinha sofrido na ida, aproveitando a expulsão do goleiro Fabrício, aos 28 minutos do primeiro tempo, e contou com três gols de Jenison. Nas penalidades, o goleiro Lucas fez duas defesas, enquanto Rodrigo Café só executou uma, e o PSTC ganhou por 4 a 3.

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.