ZH

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...

/

ESPORTE PARA TODOS!

 

OUÇA - A VIDA DE WILSON SILVA

sábado, 26 de março de 2016

VIDEO :Com casa cheia, Brasil e Uruguai empatam


VIDEO :

Diante de 45.010 torcedores, a Seleção Brasileira ficou no empate em 2 a 2 com o Uruguai, na Arena Pernambuco, em Recife, nesta sexta-feira (25), pela quinta rodada das Eliminatórias. Os gols da partida foram marcados por Douglas Costa, Renato Augusto, Cavani e Suárez.
Com oito pontos, o Brasil ocupa o terceiro lugar na tabela de classificação e agora se prepara para enfrentar o Paraguai. Pela sexta rodada, as equipes se enfrentam na próxima terça-feira (29), às 20h45, no Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai.
O jogo
Com um início arrasador, o Brasil saiu na frente com Douglas Costa, no primeiro ataque da partida. Sem deixar o adversário tocar na bola, a equipe brasileira avançou pela esquerda e, após o cruzamento de Willian, o camisa 7 tocou com a ponta da chuteira para abrir o placar aos 39 segundos, 1 a 0. Aos sete minutos, Neymar quase ampliou após receber lançamento de Daniel Alves. Dentro da área, o camisa 10 dominou no peito, cortou a marcação de dois uruguaios e finalizou com perigo à direita do gol de Muslera. Aos 20, Douglas Costa puxou em velocidade pelo meio e achou Neymar, que chutou cruzado de esquerda para a defesa do goleiro. Dominando as ações, a Seleção Brasileira ampliou, aos 25 minutos, com um golaço de Renato Augusto. Após belo passe em profundidade de Neymar, o meia tirou o goleiro da jogada com uma finta de corpo e empurrou para o fundo da rede, 2 a 0. Aos 35 minutos, o Uruguai diminuiu com Cavani, que aproveitou sobra da cabeçada de Sánchez para fazer 2 a 1.
Na volta do intervalo, o Uruguai chegou ao gol do empate aos dois minutos com Luis Suárez. Com mais posse de bola, a Seleção Brasileira buscou a vitória, mas esbarrava no bloqueio defensivo adversário. Apesar de chances para ambos os lados, como nos chutes de Phillipe Coutinho e Suárez, os goleiros apareceram bem e a igualdade no marcador se manteve até o fim.
Brasil: Alisson, Daniel Alves, Miranda, David Luiz e Filipe Luís; Luiz Gustavo, Fernandinho (Philippe Coutinho), Willian (Lucas Lima), Renato Augusto e Douglas Costa (Ricardo Oliveira); Neymar.
Conteúdo : CBF HOME PAGE