Messi enfrentará o Chile em sua estreia nas eliminatórias da Copa de 2018



Lionel Messi foi um dos 29 convocados da seleção argentina nesta terça-feira e vai disputar sua primeira partida das eliminatórias para a Copa de 2018, ainda este mês. A grande ausência da lista foi o nome de Carlitos Tevez. Messi perdeu os quatro primeiros jogos da Argentina nas eliminatórias para o Mundial da Rússia, no ano passado, devido a contusões. 

 A Argentina, vice-campeã mundial no Brasil em 2014, começou mal a série de 18 partidas do torneio sul-americano de 10 seleções, perdendo do Equador por 2 a 0 em casa na ausência de Messi e ficando num empate sem gols com o Paraguai em outubro. O time reagiu com um empate de 1 a 1 em casa com o Brasil e com uma vitória de 1 a 0 sobre a Colômbia em novembro, e agora está na sexta colocação com cinco pontos, sete atrás dos líderes equatorianos. 

 Messi irá liderar a Argentina quando seu combinado enfrentar o Chile, atual campeão da Copa América, em Santiago no dia 24 de março, e recebe a Bolívia em Córdoba cinco dias mais tarde. Os quatro times mais bem colocados no final da campanha, em 2017, se classificam para a Copa da Rússia no ano seguinte, e o quinto colocado disputa um playoff intercontinental. Messi ficou de fora das primeiras partidas da Argentina por conta de lesão - Jorge Adorno/Reuters Messi ficou de fora das primeiras partidas da Argentina por  lesão.
Resultado de imagem para bandResultado de imagem para reuters logo

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"