Pular para o conteúdo principal

Ex gordo : A história de vida e superação do atacante Walter por Rodrigo Linhares

Entrevista com o craque do Furacão com exclusividade

Com exclusividade, tive acesso aos bastidores do Atlético-PR, um dos mais fechados clubes do país. Estive na concentração para bater um papo com um personagem que há tempos queria entrevistar: o atacante Walter. A trajetória do menino pobre que nasceu em uma favela do Recife e venceu no mundo do futebol é realmente emocionante. "Todos os dias via gente morrendo. Meu irmão foi assassinado na minha frente. Minha mãe sempre cuidou muito de mim, me fazia estar em casa às dez da noite. 
Nunca mexi com coisas ruins, meu negócio era futebol, fica o dia inteiro na rua jogando bola", relembra. Walter também relembrou comigo momentos de sua carreira e falou de seu grande troféu: "Quando jogava no Porto, de Portugal, minha filha nasceu. Foi um bebê prematuro, veio ao mundo com 5 meses e meio e pesando 700 gramas, as chances dela sobreviver eram mínimas. O nome dela seria apenas Catarina, mas, por tudo isso, acabamos colocando Catarina Vitória. É uma verdadeira guerreira", conta, emocionado.
O atacante também revelou seu sonho: "Fiz uma carreira muito bonita nas seleções de base, fui artilheiro. Trabalho muito para chegar à principal".Saí da entrevista com a convicção de que melhor do que ter conhecido um pouco mais do jogador Walter foi ter sido apresentado ao ser humano Walter. Que história de luta e de superação!


 Por Rodrigo Linhares - 09/03/2016 10:10

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.