Juca Kfouri : Corinthians, mal, marca de novo no fim e vence


Esqueça os primeiros 35 minutos de Corinthians x Oeste, em Itaquera. Se aquilo é futebol, minha avó é motocicleta. Nos 10 minutos finais do primeiro tempo o Corinthians chegou três vezes na cara do gol, mas Uendel e Fagner mandaram a bola nas nuvens e Guilherme simplesmente conseguiu furar numa cabeçada, lance bizarro.

Se o pessoal do colombiano Independiente Santa Fe, adversário na próxima quarta-feira pela Libertadores, estava vendo, sorriu. Acredite se quiser, mas nos 10 minutos iniciais do segundo tempo, quem mais ameaçou foi o Oeste e, aos 12, Tite tirou Guilherme e pôs Luciano no jogo, se é que era mesmo um jogo. Aos 20, saiu Lucca e entrou Romero, quando o Corinthians pressionava, mas não impressionava. Danilo também substituiu André, diante de 29 mil torcedores. 

 Chovia em Itaquera. Que dureza! Com a pontaria desequilibrada, o Corinthians martelava só na ferradura, jamais no cravo. A noite era tão terrível que Romero era o mais perigoso dos alvinegros. 

 O Corinthians empatava pela terceira vez seguida, seguia invicto e mostrava que não há mais bobos no futebol brasileiro. Ou só há bobos. Pela primeira vez, o Oeste tomava pontos do Corinthians. Tomava. Porque aos 45, uma bola sobrou para Rodriguinho que fez o gol do desafogo. A sorte segue sorrindo para o time de Tite que mais uma vez fez seu gol no fim. Aliás, quase fez mais um no último segundo.
Resultado de imagem para blog do juca kfouri

Postagens mais visitadas deste blog

UOL :Caçula da Rio-2016 treina por SMS, supera maiô rasgado e vence prova

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota