Equilíbrio marca o começo da edição 2016

O Brasileiro Feminino segue a todo vapor em sua quarta edição e as três primeiras rodadas de um total de cinco na Primeira Fase traduzem números importantes ao histórico da competição. Em comparação com o primeiro ano do campeonato, 2013, foram marcados 27 gols a menos na soma das rodadas 1, 2 e 3, 67 contra 42 - indicando maior equilíbrio e competitividade entre os 20 clubes participantes. 
Confira o pacotão de números das três primeiras rodadas do Brasileiro Feminino:
24 partidas
13 vitórias do mandante
5 vitórias do visitante
6 empates
Gols
49 gols do mandante
21 gols do visitante
Cartões
69 amarelos
Mais cartões amarelos: 8 (Adeco)
Menos cartões amarelos: 0 (Flamengo-RJ)
8 vermelhos
Cartão: 2 (Adeco e Vasco da Gama)
Ataque
Mais positivo: 9 gols (Foz Cataratas)
Artilharia: 3 gols (Millene - Rio Preto, Ludmila - São José e Luana - Foz Cataratas)
Defesa
Mais vazada: 15 gols (Vitória-BA)
Menos vazada: 0 (São Francisco-BA)
MAIORES PLACARES NAS RODADAS 1, 2 e 3 DO BRASILEIRO FEMININO
2013 - 97 gols marcados
Viana-MA 0x6 Tuna Luso-PA
Tiradentes-PI 11x1 Viana-MA
2014 - 93 gols marcados
Iranduba-AM 0x5 Pinheirense-PA
Avaí-SC 0x8 Botafogo-RJ
2015 - 97 gols marcados
Ferroviária-SP 6x0 Pinheirense-PA
Portuguesa-SP 6x1 Duque de Caxias-RJ
2016 - 70 gols marcados
São José 8x1 Vitória-BA
Caucaia-CE 5x0 Vitória-BA

CONTEÚDO : CBF

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"