Pular para o conteúdo principal

Começou a Copa do Nordeste


Começou na tarde deste sábado (13) uma das principais competições do futebol brasileiro: a Copa do Nordeste. Pela primeira rodada da tradicional disputa, o Fortaleza fez 3 a 0 no River-PI, no Castelão; enquanto Coruripe e América-RN empataram em 2 a 2, no Gerson Amaral. Na Arena Castelão, Eduardo completou cruzamento de Éverton para marcar o primeiro do Fortaleza sobre o River. 


No segundo tempo, Anselmo, de pênalti, ampliou. Nos minutos finais, Anselmo tocou para Pio fechar a conta na capital cearense: 3 a 0. No Gerson Amaral, no fim do primeiro tempo, Júnior Chicão, de pênalti, abriu o placar para o Coruripe contra o América. Na segunda etapa, após assistência de Aurélio, Júnior Chicão apareceu de novo para ampliar para o Hulk. 

 Quando parecia que a equipe alagoana começaria a Copa do Nordeste com uma vitória, Rômulo descontou para o América aos 37 minutos. E, após muita pressão, já nos acréscimos, o zagueiro Zé Antônio Potiguar foi até a área adversária para acertar um voleio e decretar o 2 a 2 em Coruripe. 

CONTEUDO HOME PAGE CBF

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

O time do Alto da Bica - A foto que virou saudade

O time do Alto da Bica surgiu, consultando minha memória, ali pelos anos 90 e pouco, coincidindo com o início da era Parmalat. Isso talvez explique os meninos - que acompanham os craques - tão bem vestidos. A sede fica na margem da rodovia Cianorte – São Tomé, logo após o ribeirão São Tomé, num trecho conhecido como Bica, por isso o nome: Alto da Bica.

Frequentado por cianortenses ilustres congrega em sua maioria os palmeirenses - também consultando minha memória, e o Avanti -. Nesta foto, em 98, vemos o elenco pronto para mais uma vitória; vou fazer a escalação e pedir mil perdões se errar o nome de alguém, pois embora conhecendo pela fisionomia posso me confundir na denominação. De pé, da esquerda para a direita: Miguel Deneka, Flávio Vieira, Cometa, Gaúcho, Jácomo e Zezé; agachados, na mesma ordem: Antônio Rogério, Maurício, Nilo, Deíca e Spagola...

Por Marco Antônio de Paula Franco