Sondado pelo Grêmio, meia argentino Alán Ruiz pode retornar a jogar pelo clube após um ano

Após deixar o Grêmio no final de 2014, o meia Alán Ruiz pode retornar ao clube. A diretoria tricolor estuda uma possível volta do jogador para suprir a carência de um “finalizador”, função vista pelo presidente Romildo Bolzan como essencial para a disputa da Copa Libertadores.

Alán Ruiz chegou a Porto Alegre em janeiro de 2014, emprestado pelo San Lorenzo, da Argentina. Não conseguiu se firmar como titular, mas a torcida aprovou seu estilo de jogo, e o meia se tornou um dos atletas mais queridos pelos tricolores nos últimos anos. No final da temporada, devido a uma política de corte de gastos, o Grêmio o devolveu ao clube de origem.

Então, em 2015, foi emprestado novamente, desta vez para o Cólon, também da Argentina. Lá, atuou em 16 partidas e, desempenhando a mesma função de Luan, marcou um gol e deu duas assistências no campeonato nacional.

Além das atuações, outro fator que tem chamado a atenção da diretoria gremista se relaciona ao extracampo. Alán Ruiz, de 22 anos, está com o peso sob controle e deu sinais de amadurecimento, se dedicando mais nos treinos.

O principal empecilho para a negociação se refere ao modelo de contrato. O San Lorenzo, que detém os direitos do meia, deseja vendê-lo, enquanto os brasileiros cogitam apenas o empréstimo.

No último domingo, Alán Ruiz, publicou, em suas redes sociais, que estava a caminho de Porto Alegre. Entretanto, sua viagem não estaria relacionada ao interesse do Grêmio.


CONTEÚDO SUPERESPORTES

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"