Pular para o conteúdo principal

GOAL :Como o Flamengo vai jogar em 2016?


Muricy Ramalho mantém esquema tático da equipe, mas Rodinei e Arão, entram nos lugares de Pará e Canteros
A temporada passada para o Flamengo não saiu exatamente como os dirigentes e torcedores esperavam. A tão anunciada 'barca' não partiu da Gávea, mas muitas promessas foram feitas para 2016 e os rubros-negros estão esperançosos com a chegada do novo técnico.
Apesar das saídas de Paulinho e Samir, a cúpula do futebol do Flamengo se mexeu e trouxe oito reforços além de Muricy Ramalho.
Chegaram Alex Muralha, Juan, Rodinei, Chiquinho, Arão, Antônio Carlos , Arthur Henrique, além da 'estrela' Mancuello.
A pergunta que a maioria da torcida está fazendo é: Qual será o esquema de Muricy?
Nesta quinta-feira, o Flamengo venceu o Tigres por 2 a 0, sob o comando do técnico Muricy Ramalho, que escalou o time titular com  Paulo Victor; Rodinei, Wallace, Juan, e Jorge; Márcio Araújo, William Arão, Alan Patrick; Emerson Sheik, Guerrero e Everton. Ederson, Cirino e Mancuello foram ausências da atividade.
Diferente do ano passado, Pará, César Martins e Canteros foram barrados pelo técnico para as entradas de Rodinei, Juan e Willian Arão. O intuito é dar maior potência à equipe, sem mudar o já conhecido 4-3-3.

Comparação de Jogadores

Selecione para comparar
  • Brasileirão Série A 2015/2016
  • Brasileirão Série A 2015/2016
CésarJuan
GOLPosiçãoDEF
14Jogos10
1.260Minutos jogados827
14Jogos como titular10
0 Substituições (entra) 0
0 Substituições (sai) 1
Apesar da ausência de Mancuello, que precisou retornar à Argentina para resolver pendências, a tendência é que Muricy utilize o meia no lugar de Allan Patrick, que não convenceu a torcida até o momento.
Sheik, Guerrero e Everton formaram o trio ofensivo, mas o peruano ainda segue com uma pontaria abaixo do esperado no Flamengo, e passou em branco no jogo-treino contra o Tigres.
Após começo promissor na equipe, o encanto se quebrou, e, no final do ano, Guerrero já era visto com desconfiança de alguns torcedores. No total, foram 18 partidas e apenas quatro gols.
Já no gol, a missão de continuar defendendo a meta rubro-negra é de Paulo Victor. Pelo menos por enquanto. Alex Muralha foi contratado e parece que virou a sombra do goleiro titular.
Porém, apesar de Muralha ser melhor tecnicamente, o recém-contratado ainda precisa ser testado e mostrar a ótima temporada pelo Figueirense em um clube com maior cobrança.
O Flamengo segue a pré-temporada em Mangaratiba se preparando para a estreia do Campeonato Carioca, no dia 30 de janeiro, contra o Boavista. Antes disso, no dia 21, o Rubro-Negro enfrenta o Ceará, pela Taça Asa Branca, no estádio do Castelão.
click here..

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"