Entre remanescentes, Corinthians só tem 100% de um titular campeão em 2015



As saídas de Renato Augusto, Jadson, Vagner Love e Ralf desfiguraram o time campeão brasileiro em 2015, mas não encheram os cofres do Corinthians. De um lado, por multas contratuais baixas; de outro, por um problema que seguirá incomodando o clube no futuro: a maioria dos atletas é "fatiado".
No quarteto que foi embora, Vagner Love e Ralf pertenciam 100% ao Corinthians, mas tinham multas baixas, rendendo ao clube, juntos, pouco mais de R$ 8 milhões. Em relação a seus meias, a equipe alvinegra só tinha 50% dos direitos de Renato Augusto (R$ 17,3 milhões) e 30%, de Jadson (R$ 6,3 mi).
Entre os considerados titulares que seguem à disposição de Tite, o Corinthians, inclusive, só tem 100% dos direitos de um jogador: o lateral-esquerdo Uendel. Dos demais, o máximo que o clube conta são os 90% que tem do zagueiro Gil - que é outro que ainda pode sair, com sondagem do futebol chinês.
Cássio, titular absoluto do Corinthians e também perto de sair, tem 60% de seus direitos ligados ao Corinthians. O companheiro de Gil, Felipe, é 50% do clube, mesma porcentagem do lateral-direito Fagner e do meio-campista Elias - que também é sondado para se transferir para a China.
Resultado de imagem para msn logo png

Postagens mais visitadas deste blog

Com equipe completa, nado sincronizado iniciou treinamentos muito antes da Rio 2016

Seleção masculina de hóquei sobre grama sofre segunda derrota

Marcos Danilo Padilha - "Profissão - Goleiro"