Pular para o conteúdo principal

Seleção Carioca estreia com vitória na Copa Placar

imgCapa
A Seleção do Rio de Janeiro estreou com vitória na Copa Placar de Seleções Estaduais Sub-20. A Seleção Carioca bateu a Seleção de Minas Gerais por 2 a 0, na tarde deste sábado (12/12), no Estádio Novelli Júnior, em Itú-SP. 

 Os gols da partida saíram todos na segunda etapa. Kanu abriu o placar aos 30 minutos, após o goleiro Maycon soltar nos pés do zagueiro, que tocou para a rede. Pouco depois, aos 35 min, o atacante carioca Maycon roubou uma bola na direita, invadiu a área e chutou forte, vencendo o xará mineiro, ampliando o placar: 2 a 0. O Rio ainda poderia ter feito mais um gol. Porém, Yuri chutou para fora uma cobrança de pênalti já nos acrèscimos do segundo tempo. 

 Na próxima rodada, na segunda-feira (14), a Seleção Carioca enfrenta a Seleção Gaúcha. A Copa Placar de Seleções Estaduais Sub-20 é disputada pelas quatro primeiras federações do Ranking da CBF. Sendo assim, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul são os representantes na competição. 

Página Inicial
  Agência FERJ 

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.