ZH

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...

/

ESPORTE PARA TODOS!

 

OUÇA - A VIDA DE WILSON SILVA

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

F1 : José Carlos Pace – os mais de 70 anos do “campeão mundial sem título”

Se estivesse vivo, José Carlos Pace completaria 70 anos hoje, dia 6 de outubro de 2014. Para as gerações mais novas, que aprenderam a gostar de Fórmula 1 com Piquet e Senna, o tal “Moco”, como era chamado, é apenas um dos pilotos   bons de braço do qual nossos pais falam quando lembram dos “bons tempos” da F1.
Pace conquistou somente uma pole position e teve apenas uma vitória na categoria. Mas praticamente todos que o viram correr dizem que ele tinha chances de ganhar o título mundial de F1 caso não tivesse embarcado em um avião na noite de 18 de março de 1977.
José Carlos Pace começou a correr de kart nos anos 1960, junto com seus amigos da vizinhança — Emerson e Wilson Fittipaldi e Jan Balder —, mas sua carreira nas pistas começou mesmo quando ele foi chamado por Anísio Campos e seus sócios para disputar o II Prêmio Aniversário do Automóvel Clube do Estado de São Paulo com um DKW preparado por eles.  Na corrida, Pace c
Se estivesse vivo, José Carlos Pace já teria mais de 70 anos hoje. Para as gerações mais novas, que aprenderam a gostar de Fórmula 1 com Piquet e Senna, o tal “Moco”, como era chamado, é apenas um dos pilotos bons de braço do qual nossos pais falam quando lembram dos “bons tempos” da F1. 
Pace conquistou somente uma pole position e teve apenas uma vitória na categoria. Mas praticamente todos que o viram correr dizem que ele tinha chances de ganhar o título mundial de F1 caso não tivesse embarcado em um avião na noite de 18 de março de 1977. 
 José Carlos Pace começou a correr de kart nos anos 1960, junto com seus amigos da vizinhança — Emerson e Wilson Fittipaldi e Jan Balder —, mas sua carreira nas pistas começou mesmo quando ele foi chamado por Anísio Campos e seus sócios para disputar o II Prêmio Aniversário do Automóvel Clube do Estado de São Paulo com um DKW preparado por eles. Na corrida, Pace conseguiu tempos excelentes que chamaram a atenção de Luís Greco, da equipe Willys, que o convidou para integrar o time ao lado de Bird Clemente, Wilsinho Fittipaldi e Luís Pereira Bueno.

                                         POR ENCICLOPEDIA AUTO MOTOR