Pular para o conteúdo principal

Assassinado ex capitão da seleção de futebol de El Salvador

De acordo com o site Expresso o ex capitão da seleção de futebol de El Salvador Alfredo Pacheco foi assassinado por homens armados que o alvejaram ao início de domingo, quando se encontrava numa estação de combustível na cidade de Santa Ana, 76 quilometros a oeste da capital do pequeno país da América Central. 

Os atacantes chegaram num veículo e abriram fogo, matando Pacheco e ferindo dois amigos que se encontravam com ele. A polícia está a investigar o motivo do ataque, que ocorre num país com cerca de 30 assassínios por dia, 80% dos quais relacionados com disputas entre gangues. 

 Entre 2005 e 2013, Pacheco integrou a seleção do seu país por 85 vezes, tendo chegado a capitão. Em 2013 foi considerado culpado, conjuntamente com outros 13 jogadores que alinharam pela seleção, de ter recebido subornos para perder jogos. A Federação de Futebol Salvadorenha baniu os jogadores vitaliciamente, numa decisão que foi ratificada pela FIFA.
Resultado de imagem para expresso portugal logo

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

O time do Alto da Bica - A foto que virou saudade

O time do Alto da Bica surgiu, consultando minha memória, ali pelos anos 90 e pouco, coincidindo com o início da era Parmalat. Isso talvez explique os meninos - que acompanham os craques - tão bem vestidos. A sede fica na margem da rodovia Cianorte – São Tomé, logo após o ribeirão São Tomé, num trecho conhecido como Bica, por isso o nome: Alto da Bica.

Frequentado por cianortenses ilustres congrega em sua maioria os palmeirenses - também consultando minha memória, e o Avanti -. Nesta foto, em 98, vemos o elenco pronto para mais uma vitória; vou fazer a escalação e pedir mil perdões se errar o nome de alguém, pois embora conhecendo pela fisionomia posso me confundir na denominação. De pé, da esquerda para a direita: Miguel Deneka, Flávio Vieira, Cometa, Gaúcho, Jácomo e Zezé; agachados, na mesma ordem: Antônio Rogério, Maurício, Nilo, Deíca e Spagola...

Por Marco Antônio de Paula Franco