Pular para o conteúdo principal

F1 : Massa corneta ausência de Galvão em corrida e pede retorno do narrador


A temporada da Fórmula 1 em 2015 chegou ao final neste domingo com o GP de Abu Dhabi sem a presença de Galvão Bueno. Como a corrida valia muito pouco, o narrador não viajou e narrou dos estúdios da Globo em São Paulo. O que ninguém esperava é que Felipe Massa desse uma cornetada na ausência de Galvão. “Sentindo falta de vocês, Galvão. 

Tá fazendo falta aqui você, o Reginaldo, o Burti. Espero que no ano que vem vocês voltem”, disse Massa em entrevista à repórter Mariana Becker, única profissional da Globo in loco, que respondeu. “Galvão, está dado o recado”. Galvão narrou a corrida ao lado de Reginaldo Leme e Luciano Burti, trio tradicional na cobertura dos GPs da Fórmula 1. 

“Recado bom de ouvir”, falou o narrador. A Globo mudou a cobertura da categoria neste ano e chegou a deixar de transmitir a prova que definiu Lewis Hamilton como campeão, nos Estados Unidos, já que o horário batia com a rodada do Brasileirão.

conteúdo - TORCEDORES.COM

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileirão Série A - Confira os jogos de hoje e amanhã

Brasileirão Série A - Confira os jogos em andamento

Herói da Inter, Éder Paulista poderia ter sido herói no Cianorte FC

Eder Paulista , atacante com passagem pelo Cianorte FC , onde pouco fez por não ter a oportunidade merecida , oportunidade que teve na Inter de Limeira quando no dia 14 de maio , a emoção tomou conta dos mais de 8 mil presentes no Limeirão assim que o árbitro Thiago Duarte Peixoto apitou o fim da vitória da Inter de Limeira por 2 a 1 sobre o Monte Azul. 

O tão sonhado acesso à Série A2 estava consumado. Graças a alguém que por muito pouco não esteve ali. Herói do Leão com os dois gols da virada no jogo decisivo, o atacante Éder Paulista teve a participação ameaçada na competição ao sofrer uma grave lesão logo no início da campanha. 

Por tudo o que passou, era um dos mais eufóricos, a ponto de até esquecer como foram seus gols. - Só Deus sabe o que eu passei. Os médicos falavam que eu só voltaria depois de três meses. Mas eu falei que iria me recuperar rapidamente e decidir para a equipe. 

A emoção está muito grande, não sei nem dizer como foram os gols.